Música

Ovos mexidos

Yesterday, dos Beatles. Todos conseguem ouvir os versos dentro da cabeça: Oh, I believe in yesterday.

Consta, porém, que a letra que todos sabemos de cor não é a letra original da música; essa, de facto, só viria a ser escrita mais tarde, aquando duma viagem de Paul McCartney ao Algarve — o país do fado pôs o músico inglês a cantar sobre a saudade.

O que interessa, na verdade, é essa primeira letra que McCartney escreveu. A música intitulava-se originalmente Scrambled Eggs (isto é, Ovos Mexidos), e no lugar do famoso verso Yesterday, all my troubles seemed so far away, cantava-se: Scrabmled Eggs, Oh, Baby, How I love your legs.

Habitualmente vemos na poesia dos Beatles uma profunda exploração dos sentimentos, sobretudo o amor, e por isso uma exploração do humano, e foi sem dúvida isso que partiu tantos corações no caminho. Muito sintomático disso parece-me, então, esta letra original de Yesterday, momento de rara beleza, aliás, porque nos permite ver os homens por detrás da música, os homens em evolução. Sejamos francos: haverá algo mais humano do que um homem a cantar sobre ovos mexidos e pernas femininas? Talvez não. Talvez não…

 

Hugo Picado de Almeida

Anúncios
Standard

One thought on “Ovos mexidos

Escrever um comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s